Lesão em corredores : aspectos preventivos através de uma abordagem epidemiológica / Injury in runners: preventive aspects through an epidemiological approach

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2011

RESUMO

O objeto foi realizar uma revisão bibliográfica sobre lesões em corredores de rua, bem como investigar as medidas necessárias para a prevenção de lesões em corredores. O ser humano é um ser ativo, adaptado biomecânica e fisiologicamente para o movimento. Por isso, a corrida por ser uma atividade de fácil acesso acaba por se tornar uma boa alternativa para aqueles que buscam um estilo de vida mais ativo. Para a obtenção dos artigos desta revisão foram pesquisados os seguintes sítios na internet: pub med, Google acadêmico, scielo. As palavras para pesquisa dos artigos foram: injury, prevalence, running, runners, prevention, epidemiology, prevalência, lesão. O período de pesquisa foi de junho a novembro de 2010. De acordo com vários estudos epidemiológicos entre 27% e 70% de todos corredores sejam amadores ou profissionais apresentam algum tipo de lesão durante o período de um ano. O principal local de lesões em corredores é a articulação do joelho. A realização de exercícios de maneira exaustiva, sem orientação ou de forma inadequada, pode contribuir para o aumento do número de lesões desportivas (LD) e estas estão associadas a fatores intrínsecos e extrínsecos. Em relação aos intrínsecos destacam-se a força muscular, flexibilidade, discrepância no comprimento de perna e quanto aos extrínsecos, erros de treinamento foram associados em grande porcentagem com LD. Apesar das evidências apontarem um crescente número de LD relacionadas a corredores, ainda existe certa divergência sobre os fatores que podem influenciar a ocorrência desses agravos, ou seja, são multifatoriais. Conclui-se que uma abordagem preventiva personalizada demonstra ser a melhor maneira de aplicabilidade segura de treinamento de corrida.

ASSUNTO(S)

corrida prevalence injury epidemiology prevention running runners




Comentários