Faça uma monografia perfeita!

Faça parte da nossa lista exclusiva de acadêmicos e receba dicas imperdíveis para seu TCC.

Não gostamos de SPAM assim como você!

HISTÓRIA E INTERDISCIPLINARIDADE NO PROCESSO DE HUMANIZAÇÃO DA FISIOTERAPIA

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2006

RESUMO

A partir de reflexões sobre alguns conceitos relacionados à prática atual na área da saúde, foi encontrada uma nova forma de trabalhar o ensino e a prática clínica da fisioterapia, os quais são vivenciados, principalmente, pela humanização dos serviços prestados aos pacientes. E quais características que possivelmente influenciam no processo de humanização da saúde? Inúmeros fatores contribuem para que ele ocorra, porém, escolheu-se para trabalhar nessa dissertação dois deles, a interdisciplinaridade e o conhecimento histórico da profissão, os quais têm importância no desenvolvimento desse processo, tanto na graduação quanto, durante a vida profissional. Ao se propor uma pesquisa bibliográfica acerca da influência da interdisciplinaridade e da história no processo de humanização da Fisioterapia, acredita-se que os resultados poderão colaborar para geração de algumas mudanças dessa própria realidade. Tendo em vista as necessidades de melhor entender o processo de humanização da fisioterapia, dentro de seu contexto histórico, é proposta dessa dissertação atingir os seguintes objetivos:A partir do estudo sobre história da Fisioterapia e interdisciplinaridade verificar se esses fatores têm influência no processo de humanização da profissão. Observar como os conceitos de inter, multi e transdisciplinaridade podem influenciar na humanização da profissão. Por fim, descrever e analisar o processo de humanização da Saúde, e por conseqüência, da Fisioterapia, através da sua relação com a Saúde Pública e com as características do Sistema Único de Saúde (SUS).Objetiva-se assim, contribuir para a formação generalista e humanista do profissional fisioterapeuta, para que, dessa forma, ele trabalhe junto à sociedade, promovendo principalmente, o ganho de qualidade de vida da pessoa humana.Esta dissertação compõe-se de 4 capítulos: O primeiro capítulo, História da Fisioterapia, resgata a história da profissão desde o século passado até os dias de hoje, passando pela sua inserção no Mercosul. No contexto do Brasil, o texto começa debruçando-se sobre o resgate histórico da fisioterapia desde a vinda da Família Real ao país.O segundo apítulo, Interdisciplinaridade, aborda as diferentes formas de inter-relações entre as profissões e as disciplinas, bem como trabalha as diferenças entre os termos transdisciplinar, multidisciplinar e interdisciplinar. É abordada a interdisciplinaridade dentro da área da saúde e também sua relação na Fisioterapia. No terceiro Capítulo, Humanização, é trabalhada a visão de saúde e doença primeiramente, e, logo após, são verificados os possíveis fatores que promovem a humanização da saúde e da fisioterapia. No quarto capítulo, há um relato pessoal de experiência como professora em Estágio Supervisionado em Fisioterapia na Saúde Coletiva, na Universidade de Santa Cruz do Sul. Através desse relato, demonstra-se um exemplo bem sucedido de humanização nos atendimentos, através da influência da interdisciplinaridade e da consciência política-social dos alunos de graduação. Nas considerações finais são repensados os antigos e atuais modelos de saúde que permeiam a Fisioterapia como profissão da saúde, bem como são ponderadas algumas conclusões sobre humanização e interdisciplinaridade.

ASSUNTO(S)

fisioterapia interdisciplinaridade physiotherapy interdisciplinaridade direito humanização humanization




Comentários