Estágio supervisionado obrigatório das licenciaturas como contexto de pesquisa da linguística aplicada

AUTOR(ES)
FONTE

Trab. linguist. apl.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-12

RESUMO

Com propósito de comprovar que estágios supervisionados de diferentes licenciaturas Brasileiras, como Geografia e História, no que tange ao uso da linguagem, são contextos relevantes para a investigação científica na Linguística Aplicada, apresentamos um estudo de como professores em formação inicial percebem a alienação do trabalho do professor do ensino básico envolvendo a escrita, em relatórios de estágio supervisionado, utilizados como atividade avaliativa final nas referidas disciplinas obrigatórias das licenciaturas. Os relatórios são tomados como dados a partir da abordagem qualitativa de pesquisa, orientada pela concepção de Linguística Aplicada indisciplinar, caracterizada pela mobilização de pressupostos teórico-metodológicos originários de diferentes áreas do conhecimento, conforme objeto construído para investigação crítica. Os resultados mostram que, normalmente, o professor não é visto institucionalmente como um profissional autônomo, mas as disciplinas de estágio supervisionado das licenciaturas podem servir como um importante contexto para desestabilização da alienação do trabalho docente ainda na formação inicial de professores, sendo a escrita acadêmica reflexiva um importante instrumento para o empoderamento docente.With the purpose of proving that language uses at compulsory teacher training practices of different Brazilian Teacher Education Courses, like Geography and History, are relevant contexts to the scientific research in Applied Linguistics, we show a study about how pre-service teachers realize the alienation in school teacher's work involving the writing ability from their supervised training reports used as final assessment on the mentioned compulsory subjects of undergraduate teaching courses. The written reports are the data examined by the perspective of qualitative research as well as guided by the conception of indisciplinary Applied Linguistics that is characterized by the use of theoretical-methodological assumptions from different areas of knowledge depending on the produced object to be critically investigated. The result shows that the school teacher is not usually recognized as an autonomous professional. Otherwise, the teacher training practice subjects at undergraduate teaching courses must be seen as important contexts to destabilize the school teachers' work alienation still into their pre-service teacher training. The academic reflexive writing can be used as an important instrument to the teacher's empowerment.

ASSUNTO(S)

linguistics, letters and arts

Documentos Relacionados