Efeito da crioterapia na resposta eletromiográfica dos músculos tibial anterior, fibular longo e gastrocnemio lateral de atletas após o movimento de inversão do tornozelo

AUTOR(ES)
FONTE

Fisioter. Pesqui.

DATA DE PUBLICAÇÃO

30/11/2013

RESUMO

A crioterapia é utilizada para tratamento de traumas no tornozelo/pé em atletas; entretanto, sua ação sobre o controle motor apresenta controvérsias. Este estudo objetivou verificar o efeito da crioterapia na resposta eletromiográfica dos músculos do tornozelo de atletas após inversão. A amostra foi composta por 20 voluntários: 10 universitários atletas de basquetebol e 10 universitários não atletas. Todos foram submetidos à inversão do tornozelo em plataforma para a análise do sinal eletromiográfico dos músculos Gastrocnêmio Lateral (GL), Tibial Anterior (TA) e Fibular Longo (FL), pré e pós-crioterapia por imersão do tornozelo, a 4±2ºC, por 20 minutos. A análise estatística utilizou o teste de Shapiro Wilk, Wilcoxon e Mann-Whitney, com nível de significância em 5%. Considerou-se o pico de RMS, o RMS após 0,2 segundos e após 1,0 segundo da abertura da plataforma de inversão. Todos os dados foram normalizados pelo pico do RMS no momento pré-crioterapia. Evidenciou-se diminuição do pico do RMS e do RMS até 0,2 s para o TA nos atletas e nos músculos GL e FL dos não atletas. Após um segundo da abertura da plataforma houve menor recrutamento dos músculos GL, TA e FL para os não atletas. A comparação entre atletas e não atletas apontou, no RMS até 1 segundo, menor recrutamento para o GL dos atletas pré-crioterapia e TA pré e após o resfriamento. Conclui-se que a crioterapia diminuiu a resposta eletromiográfica do músculo TA de atletas e GL, TA e FL de não atletas.Cryotherapy is often indicated in the treatment of ankle/foot injuries in athletes; however, there is some controversies regarding its action on motor control. The main objective was to evaluate the effects of cryotherapy on electromyographic response of the ankle muscles in athletes after inversion. The sample consisted of 20 volunteers: 10 university basketball athletes and 10 non-athletes. All athletes were submitted to ankle inversion for the analysis of the EMG signals of Lateral Gastrocnemius (LG), Tibilis Anterior (TA) and Fibular Longus (FL) muscles, before and immediately after ankle immersion in cold water at 4±2ºC, for 20 minutes. The peak Root Mean Square (RMS) values were analyzed between 0 to 0.2 seconds and between 0 to 1 second after a sudden inversion on a tilting platform. Data were normalized by the peak RMS measured before cold water immersion. The statistical analysis was performed using Shapiro Wilk, Wilcoxon and Mann-Whitney tests. The level of significance was set at 5%. The results showed that the RMS values were lower in TA muscle of athletes, and up to 0.2 seconds in LG and FL muscles of non-athletes; up to 1 second, there was lower LG, TA and FL muscle recruitment in non-athletes. The comparison between athletes and non-athletes showed, in RMS up to 1 second, lower GL muscle recruitment in athletes submitted to pre cold water immersion and TA muscle pre and after cooling. Cryotherapy decreased the electromyographic response of TA muscle in athletes and of LG, TA and FL muscles in non-athletes.

ASSUNTO(S)

health sciences

Documentos Relacionados