Educação física no ensino médio: desenvolvimento de conceitos e da aptidão física relacionados à saúde

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. bras. educ. fís. esporte

DATA DE PUBLICAÇÃO

28/02/2014

RESUMO

O objetivo desse estudo foi verificar o desenvolvimento de conceitos, níveis de aptidão física relacionados à saúde, e padrão de atividade física proporcionado pelas aulas de Educação Física (EF). Compuseram a amostra 40 alunos (24 meninos, 16 meninas) do ensino médio. A aptidão física (APF) foi avaliada mediante os testes sentar e alcançar, corrida de nove minutos e resistência abdominal em um minuto, pertencentes à bateria de testes da PROESP. Os conceitos foram analisados por prova teórica com questões objetivas. O escore de atividade física (ATF) foi estimado pela versão longa do International Physical Activity Questionaire (IPAQ). Em 30 aulas de EF os conteúdos de ensino se relacionaram aos conceitos sobre alongamento e exercícios gímnicos: ginástica intervalada e corridas. Encontraram-se mudanças significativas na resistência abdominal, flexibilidade e conhecimento para ambos os sexos e na resistência aeróbia para meninas, indicando que as aulas, trabalhadas mediante procedimentos de ensino visando à promoção da saúde podem modificar os conceitos e a aptidão física relacionados à saúde de alunos do Ensino Médio.The aim of this study was to investigate the development of concepts, levels of physical fitness related to health and physical activity patterns provided by the Physical Education (PE) classes. The sample consisted of 40 students (24 boys, 16 girls) high school students. Physical fitness was measured by the sit and reach test, running in 9 minutes and abdominal strength in 1 minute, belonging to the battery of tests PROESP. The knowledge was determined by theoretical test. The physical activity score was estimated by the International Physical Activity Questionnaire (IPAQ). In 30 PE classes the teaching contents were related to the concepts of stretching and gym exercises: Interval fitness and running. There were significant changes in abdominal strength, flexibility and knowledge to both sexes and aerobic endurance for girls, indicating that classes, worked through teaching procedures aimed at health promotion can modify the concepts and health-related physical fitness of high school students.

ASSUNTO(S)

health sciences




Comentários