Diferenças culturais percebidas por brasileiros no uso da língua inglesa no exterior e seu tratamento em livros didáticos

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. bras. linguist. apl.

DATA DE PUBLICAÇÃO

28/02/2013

RESUMO

Apostando na inseparabilidade entre língua e cultura, o presente estudo tem por objetivo explorar um recorte dessa relação a partir de relatos sobre conflitos culturais vividos por brasileiros em países de língua inglesa. São aqui explorados quatro de sete questionários obtidos, aqueles cujos respondentes relacionaram cultura a questões linguísticas como pronúncia, entonação, gramática e vocabulário, algo que era inesperado. Em seguida, selecionamos em alguns livros didáticos as categorias linguísticas abordadas pelos respondentes, a fim de verificar se há aspectos culturais envolvidos no modo como essas questões linguísticas são tratadas. Os resultados sugerem instâncias em que a relação língua-cultura pode ser materializada e explorada em sala de aula quando do ensino de estruturas linguísticas e pronúncia.That language and culture are inseparable is broadly accepted in the field of language teaching. This study was thus designed to explore the relation between language and culture by examining anecdotes involving cultural conflicts collected from Brazilians in an English-speaking country. Here we analyze four (out of seven) questionnaires, for which respondent answers unexpectedly related culture to linguistic issues, such as pronunciation, intonation, grammar, and vocabulary. We then selected, from some textbooks, the linguistic categories detected in the anecdotes, aiming to verify whether there are cultural aspects involved in the way these linguistic issues are presented. Our results suggest how the inseparability of language and culture could be explored in classroom when teaching language structure and pronunciation.

ASSUNTO(S)

linguistics, letters and arts

Documentos Relacionados