Common mental disorders and associated factors among final-year healthcare students

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. Assoc. Med. Bras.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-12

RESUMO

Objetivo: determinar a prevalência de transtorno mental comum (TMC) e identificar potenciais fatores associados entre estudantes de medicina, odontologia e enfermagem. Métodos: estudo transversal realizado em uma universidade pública no Nordeste do Brasil com 172 alunos de graduação dos últimos três semestres de Medicina, Odontologia e Enfermagem, em fevereiro de 2010, utilizando o Self Reporting Questionnaire (SRQ-20) e um questionário estruturado desenvolvido pelos autores. A análise dos dados foi realizada por regressão logística. Resultados: a prevalência de TMC foi de 33,7%. Os cursos não apresentaram diferenças na prevalência de TMC. A regressão logística mostrou uma forte associação entre as seguintes variáveis com TMC: sexo feminino (OR=4,34), não ter boas expectativas em relação ao futuro (OR=5,83), curso não ser uma fonte de prazer (OR=7,52) e sentir-se emocionalmente tenso (OR=11,23). Conclusão: a alta prevalência de TMC sugere que medidas preventivas imediatas devam ser implementadas, como: a criação de serviços de apoio psicopedagógico para alunos e programas de desenvolvimento docente. Objective: to assess the prevalence of common mental disorder (CMD) and to identify potential associated factors among medical, dental and nursing students. Methods: a cross-sectional study conducted in a public university in Northeast Brazil with 172 undergraduate students of the last three semesters of the medicine, dentistry and nursing courses, in February 2010, using the Self Reporting Questionnaire (SRQ-20) and a structured questionnaire developed by the authors. Logistic regression was performed for data analysis. Results: the prevalence of CMD was 33.7%. The courses presented no differences in CMD prevalence. The logistic regression analysis showed a strong association of the following variables with CMD: female (OR=4.34), lack of good expectations regarding the future (OR=5.83), course as not a source of pleasure (OR=7.52) and feeling emotionally tense (OR=11.23). Conclusion: the high prevalence suggests that immediate preventive measures should be implemented, such as the setting up of psycho-pedagogic support services for students, and teacher development programs.

ASSUNTO(S)

health sciences

Documentos Relacionados