Características de carcaça e qualidade de carne de bovinos inteiros ou castrados da raça Nelore, suplementados ou não durante o primeiro inverno

AUTOR(ES)
FONTE

Ciência Rural

DATA DE PUBLICAÇÃO

2006

RESUMO

Este trabalho teve como objetivo avaliar características quantitativas e qualitativas da carcaça e da carne de bovinos inteiros e castrados, suplementados ou não durante o primeiro inverno. Foram utilizados 40 bovinos Nelore, machos, inteiros e castrados, com peso inicial e idade média de 300kg e 14 meses, submetidos a dois tratamentos: SUP - os animais foram mantidos em pasto e receberam suplementação (0,5% do peso vivo) constituída por 25% de farelo de soja e 75% de milho em grão triturado, durante o primeiro inverno (01/06/2003 a 21/09/2003); NSU- animais mantidos em pasto, sem suplementação. Após o abate, à idade média de 28 meses, foram avaliadas as características de carcaça. Os animais do tratamento NSU apresentaram maior (P<0,05) percentagem de músculo na carcaça do que os do tratamento SUP (71,65 vs 68,53%, respectivamente), porém os animais suplementados apresentaram carnes mais macias (7,66 vs 6,41kgf). Não foram observadas diferenças (P>0,05) quanto à espessura de gordura subcutânea entre animais inteiros e castrados (2,20 vs 4,17mm, respectivamente), porém os castrados apresentaram maior (P<0,05) percentagem de gordura na carcaça (11,34 vs 16,68%) e carnes mais macias (7,50 vs 6,57kgf). Os animais inteiros e os não-suplementados apresentaram medida de gordura de cobertura inferior ao exigido pela indústria.

ASSUNTO(S)

gordura maciez marmoreio músculo

Documentos Relacionados