A aquisição da escrita para uma fonoaudiologia tocada pela psicanálise / The acquisition of writing for a Speech Therapy affected by Psychoanalysis

AUTOR(ES)
FONTE

IBICT

DATA DE PUBLICAÇÃO

29/02/2012

RESUMO

Introdução: as letras estão presentes no universo do sujeito mesmo antes do seu nascimento. Ao ser desejado, o bebê é anteriormente falado por uma fala/escrita, de forma que sua presença simbólica precede sua presença física no mundo. Pode-se dizer que a criança tanto é falada como escrita pelo Outro, Outro que em Lacan refere-se ao tesouro dos significantes em que o sujeito falante está imerso. Objetivo: apresentar uma proposta de modelo de aquisição da escrita antes de sua formalização pela criança, sob uma outra ótica: a de que a escrita emerge antes do encontro formal entre a criança e as letras. Método: pesquisa qualitativa que está sustentada, de um lado, por estudos do campo da aquisição de linguagem representados principalmente por Cláudia De Lemos e, de outro, pelas noções de traço, letra e escrita tal como entendidas pela Psicanálise de estudos de Freud, Lacan e Allouch. Alguns dos dados retirados dessa literatura foram relidos a fim de rastrear a entrada da criança no discurso alfabético. Resultados: o material analisado apontou para a presença de traços anteriores à alfabetização, ou melhor, de um sistema de escrita que indica o assujeitamento da criança ao Outro, à sua captura pela linguagem, tanto na modalidade oral como escrita. Conclusão: a escrita ocupa lugar privilegiado no funcionamento da língua e o contato com discursos orais e escritos abre a entrada da criança para as letras. O fonoaudiólogo deve interpretar as marcas deixadas pela criança, para além de rabiscos, como marcas indicativas de um processo singular de aquisição da modalidade escrita da linguagem. Assim, afasta-se a negação de um saber e restitui-se à criança sua posição sujeito-escriba que separa-se da alienação ao traço do outro, para tomar a posição de leitor/escritor

ASSUNTO(S)

estudos da linguagem fonoaudiologia escrita manual psicanálise handwriting studies of language, speech therapy, psychoanalysis

Documentos Relacionados