Faça uma monografia perfeita!

Faça parte da nossa lista exclusiva de acadêmicos e receba dicas imperdíveis para seu TCC.

Não gostamos de SPAM assim como você!

Um panorama sobre as variações em torno do conceito de medicalização entre 1950-2010

AUTOR(ES)
FONTE

Ciênc. saúde coletiva

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-06

RESUMO

Este artigo analisa a pertinência do conceito de medicalização, para a análise sóciocultural, partindo de críticas na literatura internacional surgidas na década de 2000. Essas críticas apontam a excessiva generalidade do termo, que passou a abranger situações diversas, perdendo parte de sua acurácia analítica. Analisaremos alguns dos sentidos possíveis do termo medicalização, tais como: 1) as estratégias massivas de sanitarização da população; 2) a transformação de comportamentos considerados desviantes em doenças; 3) a ação do controle e imperialismo médico; 4) a participação de atores fora do campo da medicina. A partir desses diferentes usos, apontaremos a necessidade de uma transitividade do conceito, ou seja, que se especifiquem os sentidos que são a ele atribuídos por ocasião de sua utilização - do contrário, haveria uma perda de precisão teórica que retiraria do conceito sua possível utilidade para a análise social.This article examines the pertinence of the concept of medicalization for socio-cultural analysis. The study is based on the criticism which emerged in the international literature between 2000 and 2010. The criticism stressed the excessive generality of the expression that encompasses different situations and thereby loses its analytical precision. The main meanings of the term medicalization are examined, namely 1) the major strategies of hygienization of the population; 2) the transformation of behavior considered deviant into disorders; 3) control strategies and the medical imperative; 4) the participation of non-medical actors. Based on the different meanings of the notion of medicalization, the transient nature of the concept needs to be stressed, i.e. the need to specify the different meanings attributed to the notion depending on the different contexts in which it is used. If this is not done, the concept will lose its theoretical accuracy and will possibly no longer be useful for social analysis.

ASSUNTO(S)

health sciences




Comentários