Perfil dos obesos sem remissão do diabete melito tipo 2 e/ou perda insuficiente de peso após bypass gástrico em Y-de-roux

AUTOR(ES)
FONTE

ABCD, arq. bras. cir. dig.

DATA DE PUBLICAÇÃO

30/11/2013

RESUMO

RACIONAL: A literatura mostra que a derivação gastrojejunal em Y-de-Roux apresenta grande eficiência no controle do peso como também na resolução do diabete melito tipo 2, porém estudos após o bypass gástrico em Y-de-Roux tem mostrado piora do controle glicêmico em porcentagem considerável e os fatores associados não são completamente conhecidos. OBJETIVO: Estudar o perfil dos pacientes obesos, que apresentaram ausência de remissão do diabete e/ou perda insuficiente de peso, submetidos ao bypass gástrico em Y-de-Roux. MÉTODO: Estudo caso-controle, incluindo 32 pacientes submetidos à esta operação há pelo menos dois anos com resultados insatisfatórios relacionados à perda de peso ou ausência de remissão completa do diabete. Um grupo controle foi constituído por outros 32 pacientes submetidos à mesma operação e no mesmo serviço, pareados por idade e tempo de operação. Um questionário estruturado foi aplicado com e dados clínicos e laboratoriais colhidos e analisados. RESULTADOS: Dos casos e controles avaliados, o IMC médio foi de 38,9 kg/m² e 29,5 kg/m²; a perda do excesso de peso foi de 56,10% e 77,23%; o percentual de reganho de peso, do peso inicial perdido, foi de 20,22% e 7,67%. Os antecedentes familiares para diabete e hipertensão arterial mostraram relação significativa entre casos e controles, com razão de chances de 9,00 para diabete, 5,44 para hipertensão e intolerância alimentar mostrou relação significativa entre casos e controles. CONCLUSÃO: Intolerância alimentar persistente e antecedentes familiares para diabete e hipertensão mostraram-se associados à menor perda e reganho de peso, ou menor chance de remissão completa do diabete após o bypass gástrico.BACKGROUND: The literature reports that gastrojejunal derivation with Roux-en-Y gastric bypass is highly efficient in controlling weight and resolving; but studies have shown worsened glycemic control in a considerable number of patients and associated factors that have not been fully elucidated. AIM: To analyze the profile of patients submitted to gastric bypass that did not achieve satisfactory weight loss or complete diabetes remission. METHODS: Case-control study of 32 patients submitted to gastric bypass with at least two years postoperative time, unsatisfactory results in terms of weight loss or absence of complete diabetes remission. The control group was composed of another 32 patients submitted to the same operation at the same facility, matched for age and postoperative time. A structured questionnaire was applied and clinical and laboratory data were analyzed. RESULTS: Among the cases and controls, BMI was 38.9 kg/m² and 29.5 kg/m2, excess weight loss was 56.1% and 77.2%, % excess weight regain of initial excess weight loss, was 20.2% and 7.7%, respectively. Family history of type 2 diabetes mellitus, hypertension and food intolerance showed a significant relationship between cases and controls. CONCLUSION: Food intolerance and family history of hypertension and diabetes were associated to lower loss and weight regain or less likelihood of complete diabetes remission after gastric bypass.

ASSUNTO(S)

health sciences

Documentos Relacionados