Perfil das perdas dentárias em adultos segundo o capital social, características demográficas e socioeconômicas

AUTOR(ES)
FONTE

Ciênc. saúde coletiva

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-06

RESUMO

Condições socioeconômicas e demográficas exercem um importante papel nas perdas dentárias da população, no entanto existem poucas evidências científicas sobre a influência do capital social nesse agravo. O objetivo deste estudo foi descrever o perfil das perdas dentárias em adultos de 35-44 anos de idade, residentes em municípios do entorno de Belo Horizonte, Minas Gerais. Este estudo transversal exploratório analisou dados referentes a 1.013 indivíduos. A variável dependente foi a perda dentária. As variáveis exploratórias foram o capital social e as características demográficas e socioeconômicas. A análise de árvore de decisão por meio do Algoritmo Chi-squared Automatic Interaction Detector (CHAID) foi utilizada para mapear o perfil das perdas dentárias, a qual foi explicada pelo baixo capital social (47,0%; p < 0,001), adultos mais velhos (60,2%; p < 0,001) e baixa escolaridade (66,3%; p = 0,022). No grupo com alto capital social, a idade foi o fator determinante das perdas dentárias, independente da escolaridade ou renda per capita. Conclui-se que, no nível individual, o capital social, a idade e a renda explicaram o perfil das perdas dentárias. O capital social individual pode ter atenuado o efeito negativo dos fatores socioeconômicos na população estudada.Demographic and socioeconomic conditions play an important role in tooth loss in the population, however, there is little scientific evidence regarding the influence of social capital on this outcome. The scope of this study was to describe the tooth loss profile of adults aged 35-44, who are residents of the surrounding area of the city of Belo Horizonte in the state of Minas Gerais. This cross-sectional exploratory study comprised a sample of 1,013 adults. The dependent variable was tooth loss. Exploratory variables were social capital, demographic and socioeconomic characteristics. The Chi-squared Automatic Interaction Detector (CHAID) was used to map the adult tooth loss profile which was explained by low levels of social capital (47.0%; p < 0.001), more elderly adults (60.2%; p < 0.001), and low education levels (66.3%; p = 0.022). In the high social capital group, age was the determinant factor of tooth loss, irrespective of educational level or per capita income. The conclusion, at the individual level, is that social capital as well as demographic and socio economic characteristics explained the adult tooth loss profile. Individual social capital may have attenuated the negative influence of socioeconomic factors in the population under scrutiny.

ASSUNTO(S)

health sciences




Comentários