O papel da religião na promoção da saúde, na prevenção da violência e na reabilitação de pessoas envolvidas com a criminalidade: revisão de literatura

AUTOR(ES)
FONTE

Ciênc. saúde coletiva

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-06

RESUMO

O presente artigo é uma revisão da literatura sobre o papel da religião na promoção da saúde, na prevenção da violência e na reabilitação e recuperação de pessoas envolvidas com a criminalidade. Pesquisa de artigos nas bases Medline via PubMed, Lilacs, Scopus, Social Index With Full Text, Sociological Abstracts e Social Services Abstracts selecionou e analisou 29 estudos entre 1990 e 2011 nas línguas portuguesa, inglesa e espanhola. Os resultados apontam a função do grupo e o papel da religião na reabilitação de pessoas, na prevenção do envolvimento com a criminalidade, em orientações correcionais, e em territórios de iniquidade social. É realizado um debate acerca dos principais temas encontrados, destacando a multiplicidade de papéis da religião, sua atuação junto às pessoas encarceradas, como base de apoio e controle social e sua influência na promoção da saúde mental e da qualidade de vida. A relação entre religião e esfera pública é discutida, assinalando o papel de grupos religiosos e a fragilidade do Estado em fornecer políticas públicas básicas à população. Apesar de apontarem o papel exitoso da religião na prevenção da violência e na reabilitação de pessoas, alguns estudos põem em xeque esta relação e destacam conflitos entre os conceitos utilizados e os resultados obtidos.This is a review of the literature on the role of religion in the promotion of health, the prevention of violence and the rehabilitation of individuals involved in criminal activities. Research was conducted in the Medline through PubMed, Lilacs, Scopus, Social Index with full text, Sociological abstracts and Social services abstracts databases. Twenty-nine essays in Portuguese, English and Spanish were selected and analyzed between 1990 and 2011. The results indicate the function of the religious group and the role of religion in the rehabilitation of individuals, the prevention of criminal involvement, corrective orientations and in social iniquity environments. A debate is presented on the main themes revealed, highlighting the multiplicity of religious roles, their influence over prisoners, as a social control and support base and its influence on mental health promotion and quality of life. The relation between religion and the public sphere is discussed, emphasizing the role of religious groups and the fragility of the State in providing basic public policies. Despite revealing the successful role of religion in violence prevention and in rehabilitation, some studies question this relation and highlight the conflicts between the concepts employed and the final results.

ASSUNTO(S)

health sciences

Documentos Relacionados