Integralidade como uma dimensao da pratica assistencial do enfermeiro no acolhimento mae-bebe

AUTOR(ES)
FONTE

Esc Anna Nery

DATA DE PUBLICAÇÃO

31/08/2013

RESUMO

Este estudo teve como objetivo analisar a prática da integralidade no acolhimento mãe-bebê no contexto da atenção primária à saúde. MÉTODOS: Trata-se de um estudo transversal do tipo descritivo. Os dados foram coletados em prontuários de crianças atendidas por enfermeiras em uma unidade básica de saúde do Rio de Janeiro, nos anos de 2009 e 2011, com 421 e 275 registros, respectivamente. Os resultados mostraram que em ambos os anos mais de 70% das mães atendidas tinham idade entre 20 e 35 anos e que em 2011 houve um aumento significativo de registros de partos cesáreos, de crianças com icterícia fisiológica e da adesão das mulheres à prática do aleitamento materno exclusivo. Concluiu-se que as ações voltadas para a integralidade do cuidado à criança constituem uma das dimensões da prática do enfermeiro na atenção primária à saúde e contribuem para a melhoria da qualidade de vida da clientela atendida. OBJECTIVE: To analyze the practice of integrality in mother-baby welcoming in the context of primary health care. METHODS: It is a cross-sectional descriptive study. Data were collected from medical records of children treated by nurses in a primary care unit in Rio de Janeiro, in the years 2009 and 2011, with 421 and 275 records, respectively. RESULTS: The results showed that, in both years, more than70% of the mothers were between 20 and 35 years old and that, in 2011, there was a significant increase in cesarean births records, children with physiological jaundice and the number of women that were exclusively breastfeeding. CONCLUSION: It was concluded that comprehensive child careactions constitute one of the dimensions of nursing practice in primary health care and contribute to improve the quality of life of the clients.

ASSUNTO(S)

health sciences

Documentos Relacionados